• gestao868

Itens colecionáveis: despertando a paixão em seu cliente

Você já parou para pensar em como colecionadores se tornam colecionadores? Apesar de ser um hobby comum, poucas pessoas entendem, de fato, o que faz com que tantas pessoas tenham o desejo de colecionar.

Há dois grandes motivos que regem esse ato: a memória e o consumismo. Quem possui esse hábito, inegavelmente age com certo consumismo, mas, ao mesmo tempo, tem uma relação muito mais aproximada com os itens colecionáveis. Eles são associados à memória de consegui-los e de guardá-los. O consumo não tem a ver com o uso desses objetos, mas com o fato de tê-los.

E o que isso tudo tem a ver com você? Bem, essa relação entre item e colecionador é forte e constante, e muitas vezes se resume a uma única marca. Se você conseguir a atenção de alguns colecionadores, você terá clientes fiéis, que apreciam o relacionamento com a empresa. Além disso, é gigante a quantidade de grupos de colecionadores que discutem e interagem sobre seus colecionáveis.

Ou seja: oferecer itens colecionáveis é vantajoso por estabelecer uma conexão com o cliente, demonstrar atenção aos desejos dele e ainda ter sua marca na boca de dezenas de pessoas com interesse em coleções.

O colecionismo e sua marca

Talvez você esteja pensando “ok, mas como minha marca pode se tornar uma referência para colecionadores, se eu não produzo produtos com esse objetivo?”. É aí que entra a palavra mágica: brindes.

Os brindes são uma estratégia de marketing, antes de mais nada, e têm como propósito atrair e fidelizar clientes. No sentido de coleção, eles podem ser pensados para agradar determinados públicos, e/ou seguir alguns padrões que os tornem itens colecionáveis.

Por exemplo, redes de fast food como o McDonald’s ou o Burger King já têm o costume de oferecer brindes em algumas promoções, como brinquedinhos ou copos. São muitas as pessoas que adquirem os produtos necessários para conseguir os brindes e têm o desejo de ter a coleção completa. Mesmo que sua empresa não seja gigantesca, você ainda pode se basear nesse estilo de marketing.

Então, por que investir em itens colecionáveis?

O exemplo das redes de fast food já parece ser um bom motivo, certo? Afinal, se os brindes farão com que os clientes comprem os produtos, então certamente vale a pena. Mas é importante salientar que os brindes não precisam necessariamente vir com promoções atreladas para dar certo!

Se você oferecer itens colecionáveis, os consumidores se sentirão representados, e terão vontade de manter a relação para conseguir os próximos. O resultado é o aumento na fidelização, na visibilidade e nas vendas.

Alguns brindes colecionáveis para sua empresa

Se você já percebeu que os brindes colecionáveis são um ótimo investimento, mas ainda não sabe como inseri-los na realidade da sua empresa, confira algumas ideias:

  1. Bottons

  2. Chaveiros

  3. Toy arts

  4. Latas

  5. Caixas de fósforo

  6. Miniaturas

  7. Álbuns de figurinhas

Não esqueça de apostar em estampas variadas relacionadas aos seus produtos, à marca ou outra coisa que tenha a ver com o público-alvo.

#Brindes #Itenscolecionáveis

0 visualização

© MR Brindes. 1988, 2020. Todos os direitos reservados.