• gestao868

Marketing de Relacionamento: entenda o que é como aplicá-lo na sua empresa



Manter um bom relacionamento é o objetivo comum entre pessoas que se gostam, que trabalham juntas ou que precisam uma da outra, não? Esse fato é tão importante que não se limita só às pessoas: assim funciona o Marketing de Relacionamento.

Marketing você certamente já sabe o que é. O diferencial, quando ele se volta para o relacionamento, é que o objetivo é colocar uma marca para conversar e estar presente entre seu público, e também como referência no mercado.

Claro que não é permitido perder de vista objetivo maior do marketing: vender mais. O que não significa que o marketing de relacionamento só pode ser aplicado com clientes. Pelo contrário, também tem importância com o público interno.

Saiba agora como essa especialidade é trabalhada e as vantagens que ela pode trazer para seu negócio.

Quando surgiu o Marketing de Relacionamento?

Não é possível estimar uma data precisa, mas os especialistas e estudiosos da área apontam o marketing de relacionamento como um conceito recente – as principais dissertações sobre o tema são da década de 1990.

Ele é necessário desde que o poder no processo de compra passou para o cliente e a concorrência aumentou significativamente. Ainda assim, o conceito é anterior ao cenário digital, embora tenha ganhado ainda mais importância com as plataformas sociais e de contato.

Suas características são: interatividade, personalização, memorização, receptividade, orientação para o cliente, B2B e B2C. Esses pontos precisam ser analisados em todas estratégias de marketing de relacionamento.

Como é feito?

A estratégia de marketing de relacionamento deve conhecer bem o público alvo da empresa e apontar os momentos estratégicos para se comunicar com essas pessoas, e também exatamente o que elas querem consumir de conteúdo ou experiências.

O relacionamento também precisa considerar desde o primeiro passo da empresa, seja a fabricação de um produto ou a oferta de um serviço, passando por toda a jornada de compra dos consumidores até o atendimento de pós-venda.

Com essas informações, é necessário planejar um calendário de conteúdos, experiências e serviços/produtos personalizados que serão entregues para os clientes, pensando principalmente em lembrança e presença da marca.

Imagine, por exemplo, que uma loja de livros quer trazer os clientes já conquistados para comprar novamente. Eles promovem, então, uma noite de autógrafos com um autor e envia para os clientes cadastrados um cupom de desconto para essa ocasião.

Se a loja oferecer ainda algum tipo de brinde para o público, melhor a experiência e mais esses clientes farão propaganda da empresa.

Como aplicar em sua empresa

Comece levantando os pontos citados acima: público alvo, objetivo do relacionamento, tipos de ações que podem ser feitos, quais canais de contato estão disponíveis, quais materiais a empresa pode produzir, etc.

Procure referências de marketing de relacionamento entre seus concorrentes (se ninguém fizer, melhor para sua empresa) e no mercado em geral. Mesmo que o orçamento seja apertado, faça sua estratégia aos poucos e experimente diferentes formas de divulgar a marca e criar conversas.

Quer começar a usar o marketing de relacionamento? Saiba como utilizar brindes personalizados para empresas em estratégias de marketing.



#comofuncionaomarketingderelacionamento #MarketingdeRelacionamento #oqueémarketingderelacionamento

5 visualizações

© MR Brindes. 1988, 2020. Todos os direitos reservados.